A derradeira caçada!

Mosnter Hunter 4 Ultimate parece ser o culminar da série, tanto para os fãs mas também para aqueles que se querem tornar caçadores pela primeira vez.

Com uma notória melhoria nas mecânicas do jogo, tornando-o mais fluído e menos aborrecido com as horas incontáveis de cutscenes, o jogo da Capcom apostou não só na New Nintendo 3DS, sendo criado a pensar no segundo analógico, como a cativar muitos mais jogadores com a sua nova verticalidade e menos tarefas mundanas para fazer.

Ao todo teremos cerca de 93 espécies de monstros para derrotar com uma das 14 diferentes variações de armas, com direito a treino intensivo para saberem manejar cada uma delas, sendo que, como muitos já sabem, não indicadores de vida do inimigo, nem combos, portanto apenas a perícia e a ajuda online ou local de mais 3 amigos para caçar alguns dos monstros mais épicos que vimos na série.

Em termos de combate, muito mudou esta “expansão” de Monster Hunter 4, os caçadores são agora mais ágeis do que nunca, agora saltam sobre obstáculos quase imediatamente, escalam paredes com muita rapidez e conseguem até realizar ataques enquanto saltam. É possível até mesmo saltar para as costas de um monstro e tentar derrubá-lo com ataques num ponto fraco.

Com essa agilidade a Capcom apostou também nos cenários, mais verticalizados, com plataformas, desníveis e andares. Mais do que as simplórias planícies que prevaleciam nos jogos anteriores, os mapas tornam-se personagens nas batalhas, afectando tanto a maneira como um jogador deve pensar em seus movimentos quanto o comportamento dos monstros.

São 14 tipos diferentes de armas, como espada e escudo, arco, lança, martelo, entre outras. Cada uma delas tem suas próprias habilidades especiais, forças e fraquezas. As discrepâncias de uma para outra são tão grandes que mudar de arma é quase como mudar de jogo.

Mas os destaques vão para a Insect Glaive e a Charge Blade – duas variações inéditas que trazem ainda mais opções aos combates. A Insect Glaive é perfeita para iniciantes por permitir que o caçador realize saltos a qualquer momento. Mesmo assim, a sua mecânica de captura de essência pode ser muito bem aproveitada por veteranos da série. Já a Charge Blade, com as suas duas formas diferentes e várias configurações de ataques, é uma das mais complexas armas do jogo. Dominá-la é uma satisfação enorme.

Monster hunter 4 Ultimate é um gozo, especialmente se jogado no modo multiplayer, os bosses são realmente um desafio cuja maior recompensa é dizer “consegui!!!”, é também o jogo mais “fácil” para os novos jogadores e um dos primeiros a intensificar o efeito do novo processador da New Nintendo 3DS, onde o 3D é impressionante, mais ainda nas cutscenes. Um jogo para ter sempre ao nosso lado.

MH4_recomenda

Published
Categories Análises
Views 53
Ir para a barra de ferramentas