A verdadeira remasterização de Gears of War

Gears of War é um dos marcos da Xbox, e por isso mesmo 10 anos depois recebe uma Ultimate Edition, digna de uma resmasterização. Como sabem temos a opinião de que remasterizar só por remasterizar é algo que apenas serve para ocultar muitas vezes a falta de catálogo que existe, ou então no pior dos casos, apenas para sacar mais uns trocos, mas esta vale a pena e por várias razões, mas já lá iremos.

Quando surgiu em 2006, Gears of War estabeleceu um novo padrão no género, para além de ser o melhor veículo para a propaganda do motor gráfico Unreal Engine, a fórmula de sucesso do jogo da Epic Games foi copiada vezes sem conta em tantos outros títulos.

Esta Ultimate Edition é o primeiro Gears of War desde a compra do franchise da Epic pela Microsoft e um excelente primeiro trabalho do novo estúdio da série, a The Coalition, que em termos gráficos traz  uma riqueza de detalhes onde se destaca a resolução ampliada, assim como o jogo de cores, lembrando-nos mais o Gears 3 ou Judgement. Ainda na questão dos gráficos de referir que o jogo corre na resolução 1080p e roda com uma taxa de quadros de animação bem melhor do que no X360, principalmente no multiplayer. Traz também cenas cinematográficas totalmente refeitas, fases extras da edição do jogo original para PC e o melhor de tudo, comandos adaptados de Gears of War 3.

As novas cenas de animação completam a experiência: é a mesma história, mas com um tratamento diferente, está melhor e isso torna até as personagens mais expressivas. Não sentimos no jogo o peso da idade, se falarmos em remasterizações, podem se calhar colocar esta edição ao lado da Halo: The Master Chief Collection.

Nove anos depois, Gears of War mantém-se actual e volta a divertir os jogadores como se tivesse saído hoje, com uma campanha desafiadora nas dificuldades mais altas, seja sozinho ou com um amigo.

Mas nem tudo pode ser bom ou espectacular, a Inteligência Artificial, nomeadamente naqueles que nos acompanham é bastante parca, se jogarmos em co-op notamos menos isso, mas sozinhos, estamos efectivamente sozinhos porque os nossos colegas não servem para nada. Infelizmente parecem elementos da figuração do “Você na TV”. A campanha de Gears of War: Ultimate Edition no entanto e como já perceberam oferece suporte para multiplayer cooperativo para 2 pessoas, tanto online quanto em split screen. O jogo traz também uma boa variedade de modalidades competitivas.

Gears of War: Ultimate Edition é um excelente regresso ao passado preparando o futuro que será Gears of War 4, até porque será feito também pela Coalition, e para além disso, todos os jogadores que o adquirirem e jogarem até ao próximo dia 31 de Dezembro receberá um código oferecido pela Microsoft para descarregar os originais Gears of War, Gears of War 2, Gears of War 3 e Gears of War: Judgement da Xbox 360 em formato digital. Esse código irá permitir que os jogos sejam descarregados e instalados a partir do dia 1 de Dezembro deste ano na Xbox One. É um pacote para os fãs da saga e uma remasterização digna desse mesmo nome.

recomenda gears

 

Published
Categories Análises
Views 39
Ir para a barra de ferramentas