Chega-nos em formato físico Arizona Sunshine, que para quem não o conhece é um jogo totalmente virado para a Realidade Virtual. A versão digital foi lançada a dia 5 de Julho de 2017 para Playstation VR e PC. Desenvolvido pela Vertigo Games BV e Jaywalkers Interactive, este FPS promete uma experiência terapêutica. Digo terapêutica porque se há algo que relaxa no mundo dos video-jogos é certamente massacrar mortos-vivos.

Arizona Sunshine faz lembrar uma série bastante conhecida por todo o mundo, The Walking Dead, em que os verdadeiros protagonistas são Zombies. Não faço esta comparação só por existir Zombies, mas sim por tudo o que envolve o jogo. Serás um sobrevivente neste mundo pós-apocalíptico localizado na região sudoeste americana. Terás que lutar pela sobrevivência e para isso será necessário exterminar todas essas criaturas que vão aparecendo pelo caminho de maneira a poderes avançar no jogo.

 

 

O jogo em si é bastante simples, mas tal como grande parte dos FPS VR o Aim Controller torna-o muito mais interessante, isto acontece porque cria-nos uma experiência mais real, tornando o jogo mais apelativo. Com uma jogabilidade bastante intuitiva, a deslocação da personagem é feita por turnos. Tu dás a ordem para andares para a frente e aparecerá a rota para onde vais ficar. Para além do modo single-player, podes juntar os teus amigos e partir para esta aventura.

Arizona Sunshine mesmo com uns gráficos não muito desenvolvidos e uns efeitos visuais aceitáveis, o que é comum neste tipo de jogos. Os controlos funcionam muito bem, como apanhar itens (armas, munições e outros tipos de equipamentos). É possível explorar diversas coisas que nos rodeiam, como carros (abrir as portas e o parta bagagens para ver se existe algo que nos possa ser útil), abrir gavetas de arquivos, entre outras coisas. No que diz respeito ao que se pode explorar é possivelmente o ponto mais positivo do jogo.

 

 

Algo que me surpreendeu muito foi a relação dos efeitos sonoros, quando vi os gráficos imaginei que o audio tivesse a mesma qualidade, mas estava enganado. Neste aspecto Arizona Sunshine está de parabéns porque os efeitos sonoros levam-nos para este mundo recheado de Zombies.

Resumidamente, este título desenvolvido pela Vertigo Games BV e pela Jaywalkers Interactive num bolo total, está positivo. Começando pelo objectivo principal, matar zombies é algo que grande parte dos jogadores gosta e tal como mencionei no inicio desta análise é terapêutica. Tens acesso a uma lista de armas bastante aceitável e que o dano delas varia mediante a arma que usas. Para os amantes de shooters na primeira pessoa o Aim Controller é um acessório fundamental para os jogos deste género, e como tal Arizona Sunshine não é excepção. É um jogo bastante divertido, principalmente quando jogado em multi-player.

3.0

Sim

  • Matar Zombies....é meio caminho para ser algo interessante....
  • Uma lista de armamento vasta
  • Dá para explorar praticamente tudo no mapa

Não

  • Graficos com uma qualidade que deixa a desejar
  • Passado algum tempo de jogo sentes o jogo repetitivo
  • História bastante cliché.
Published
Views 88

Deixa um comentário