Mario Party é um título que acompanha as diversas consolas da Nintendo há precisamente 20 anos. O primeiro jogo da série foi lançando em Dezembro de 1998 para a Nintendo 64, e seguiram-se depois títulos para a GameCube, Game Boy Advance, Wii, Nintendo DS, Wii U e Nintendo 3DS. Ao todo foram cerca de 15 jogos sempre a oferecer diversão aos jogadores. Chega agora a vez da Nintendo Switch receber também um jogo da franquia, e Super Mario Party é o seu nome, preparando-se certamente para ser o próximo sucesso da consola como tem acontecido com os diversos títulos lançados pela Nintendo.

Como já é habitual quando falamos de Mario Party a primeira coisa que nos vem à cabeça são os amigos, a família, os mini-jogos, a competição, a cooperação e obviamente muita diversão. Super Mario Party não foge à regra. Muito pelo contrário. Consegue oferecer tudo isso e muito mais. Aqui o que interessa é um pouco de sorte, e principalmente a destreza dos vossos dedos com os Joy-Cons. E já que falamos de Joy-Cons, posso desde já dizer que o jogo dá para ser jogado até 4 jogadores, e isso pode acontecer numa única consola, ou em duas consolas diferentes, ligando-as localmente. O importante é mesmo terem 2 pares de Joy-Cons para usufruírem do jogo com o número máximo de jogadores.

Caso não tenham 4 jogadores para jogar, podem jogar sozinhos ou acompanhados por um ou dois amigos. Nessa altura, o que vai acontecer é que quando iniciarem o jogo terão de escolher a dificuldade da inteligência artificial (IA), entre Normal, Hard e Very Hard. Os jogadores que cheguem pela primeira vez ao jogo, ou que queiram simplesmente desfrutar do jogo sem terem grande dificuldade em superar os personagens controlados pela IA, devem escolher a dificuldade normal, caso gostem de sentir um pouco a competição e a luta pelo primeiro lugar, então acredito que o Hard e o Very Hard seja a opção certa, até porque a IA cumpre bem o seu papel, moldando-se muito bem aos vários tipos de dificuldade que escolhemos.

Super Mario Party – Trailer de lançamento (Nintendo Switch)

Saltando já para o que podemos encontrar no jogo, vamos directo para aquilo que todos os fãs querem: Mario Party. Neste modo encontramos o clássico jogo de tabuleiro que a maioria de vocês conhece, e existem vários tabuleiros, cada um mais diferente que o outro, sendo preciso aplicar estratégias diferentes em cada um deles. Aqui cada jogador tem dois dados (apenas pode jogar um) e vai jogando consoante a sua vez, e no final de cada rodada todos os jogadores competem entre si, num dos vários mini-jogos que Super Mario Party tem para oferecer. Além disso, pelo caminho podemos apanhar itens que nos ajudam, como é o caso dos cogumelos que aumentam o número de casas que podemos avançar; ou de um cano dourado que nos faz chegar à tão desejada toadette, que terá uma estrela para comprarmos. Também podemos encontrar outros personagens espalhados pelo tabuleiro que se tornam nossos aliados, e oferecem-nos um novo dado que poderemos escolher para jogar, além de eles próprios também o jogarem, aumentado assim o número de casas que podemos avançar. Existem igualmente 3 modos de jogos: de 10, 15 e 20 turnos; e ao fim de todos os turnos, o jogador que obtiver mais estrelas é o vencedor. Este sempre foi um dos modos mais divertidos do jogo, e em Super Mario Party também não desilude, estando mesmo excelente.

Depois temos o Partner Party, e este modo é exactamente igual ao anterior mas com a diferença de jogarmos a pares. Isto é: apenas existem duas equipas e jogam uma contra a outra, em busca da vitória final. Os dados serão partilhados, logo o movimento de cada jogador será a soma dos 2.

Uma novidade deste Super Mario Party é o River Survival, e é um modo totalmente cooperativo, onde teremos de descer um rio num pequeno barco com quatro jogadores. Estes jogadores podem ser reais ou comandados pela IA, todos os jogadores terão um remo e ficam dois do lado direito e dois do lado esquerdo. Será preciso coordenação para descer o rio, visto que será preciso desviarmo-nos de obstáculos. O rio terá múltiplos caminhos, e será preciso escolher em qual deles queremos prosseguir, pois cada um terá o seu perigo. Além dos perigos que podemos encontrar existe um cronómetro que começa em 60 segundos e irá diminuindo conforme prosseguimos, e caso este chegue aos 0 segundos perdemos o jogo. Para ir aumentado esse valor teremos de apanhar balões que encontramos pelo caminho, e cada vez que apanham um desses balões irão jogar um mini-jogo completamente cooperativo, e em caso de saírem vitoriosos terão uma adição de diversos segundos no cronómetro.

Super Mario Party – River Survival Mode – Nintendo Switch

Outro dos modos é o Sound Stage, e neste vocês terão de ser os reis de um espectáculo. É um modo extremamente competitivo e com muita música e coordenação à mistura. Aqui terão diversos mini-jogos onde o vosso jeito e coordenação com o Joy-Con serão colocados à prova, e além do movimento no tempo certo ser essencial, será também necessário serem bastante precisos para conseguirem obter a vitória final. Seja como for, é um dos modos mais divertidos, principalmente se estiverem numa de testar os vossos reflexos. Que torna particularmente hilariante quando é jogado entre amigos, já que as risadas serão inevitáveis face a todas as figuras cómicas que nos veremos obrigados a fazer.

Devem estar a perguntar-se: então e não podemos jogar os mini-jogos separadamente? A resposta é: sim, podem escolher os diversos mini-jogos e jogá-los como preferirem. Além disso, existem ainda diversas tabs que os dividem: se são jogos de equipa, se são totalmente cooperativos, se são totalmente competitivos. Tem lá tudo. Mas não quero deixar de destacar um dos modos mais desejados pelos jogadores: o Online Mariothon. Este será o modo onde poderão jogar online contra outros jogadores, e serão pequenas competições de 5 mini-jogos cada, e no final, quem tiver a maior pontuação será o vencedor.

Para quem tiver amigos com outra Nintendo Switch e com o jogo Super Mario Party, então há um modo que não podem mesmo deixar de testar. Trata-se do Toad’s Rec Room, e embora existam alguns jogos neste modo que podem jogá-los apenas com uma consola, a verdade é que quando os jogam com as consolas emparelhadas cria-se um novo nível de divertimento, desde batalhas de tanques, puzzles onde têm de encontrar uma forma de encaixar as consolas para que a imagem fique correcta, a um jogo de baseball onde numa consola fica quem atira a bola, e do outro fica o batedor. A verdade é que este é um dos modos mais divertidos, e onde conseguem perceber o enorme potencial que a Nintendo Switch tem a nível de tecnológico.

Existem ainda outros modos, mas isso fica para vocês também descobrirem, já que não há nada melhor do que quando estamos a explorar um jogo descobrir novidades que nunca tínhamos ouvido falar. Muito já foi desvendado acima, e de tudo o que vos falei, posso dizer que Super Mario Party é incrível! Acreditem que passei bastantes horas com a minha família a divertir-me nos diversos modos de jogo, e as figuras, os sorrisos e até o mau-perder, tudo esteve lá. Este é um daqueles jogos que quando chegar a chuva será um óptimo entretém.

Super Mario Party – Trailer E3 2018 (Nintendo Switch)

São 20 os personagens jogáveis, embora quatro deles não estejam desbloqueados. No início começam com 16, como é o caso de Mario, Luigi, Peach, Yoshi, Bowser, etc. Mas não só personagens estão bloqueados, já que alguns modos de jogo também terão de ser desbloqueados, mas para isso basta irem jogando e percebendo as dicas que alguns personagens vos vão dando.

Falando em termos de jogabilidade, este é um daqueles jogos em que conseguem ver todo o potencial dos Joy-Cons, seja a criar ritmos com a vibração no modo Sound Stage, ou a reconhecer os nossos movimentos. A verdade é que sentimos que raramente existe uma falha. Se alguém ainda tinha dúvidas como a Nintendo Switch é provavelmente a consola certa para tudo o que se trata de jogos onde se pretende o movimento e a diversão para toda a família, então com Super Mario Party as dúvidas serão dissipadas.

Super Mario Party é mais um jogo de qualidade que se junta à enorme lista de jogos que tem sido trazida pela Nintendo. Diria mesmo que Super Mario Party é imprescindível na vossa colecção, já que consegue oferecer-vos tudo o que de melhor a Nintendo Switch tem. Os mini-jogos são imensos (cerca de 80), e todos extremamente divertidos, quer seja para adultos como para os mais pequenos. Só posso desejar que se divirtam tanto quanto eu me diverti e continuarei a divertir!

4.5

Sim

  • Extremamente divertido, seja para crianças ou adultos
  • Uma enorme diversidade de mini-jogos
  • Os controlos estão excelentes, mostrando toda a potencialidade dos Joy-Cons

Não

Published
Categories Análises Nintendo
Views 183

Deixa um comentário