Assassin’s Creed Pirates iOS/Android – Review

Já jogaram jogos da saga Assassin’s Creed nas plataformas móveis? Já?! Ainda bem, agora esqueçam tudo isso porque este Assassin’s Creed Pirates não tem nada a ver com isso.

O novo jogo desenvolvido pela Ubisoft oferece um jogo de Piratas baseado na história de Alonzo Batilia, um pirata que ambiciona reinar os mares das Caraíbas e recuperar o tesouro do Capitão La Buse, seu mentor outrora.

Para isso o jogo vai desenrolar-se em várias batalhas navais, factor que empolgou em Assassin’s Creed III e que agora se tornou o foco central do IV capítulo.

ACP_Screenshot_Launch6

Para quem tenha jogado Sid Meier’s Pirates, outro jogo dos tempos do Commodore Amiga ,por exemplo, vai recordar esses tempos e vai sentir-se muito bem com a mecânica de navegar pelo mapa, transaccionar ou saquear os barcos “inimigos”, mas existem várias componentes na mecânica do jogo. Vão navegar como acontece nos jogos da consola a controlar o leme de frente podendo fazer zoom in e out, e depois têm a componente da batalha que apesar da câmara ser muito parecida, a mecânica é diferente no desvio dos ataques inimigos onde temos a opção de desviar à esquerda ou à direita, algo que temos que fazer no timing certo para não sofrer danos.

ACP_Screenshot_Launch3

E este é o problema do jogo, é fácil demais, e com isso pode tornar-se aborrecido por vezes. Visualmente os reflexos na água, o efeito que tem, no geral está muito bem conseguido, apenas os objectos em movimento perdem um pouco de qualidade, depois os diálogos existentes estão em formato desenho animado estático, um pouco como encontramos em RPG’s nas portáteis fundamentalmente, mas servem o propósito.

O jogo distrai e diverte, mas por ser tão fácil aborrece e é uma pena porque tem um potencial enorme. Vai cativar o casual gamer, mas os fãs da série vão ficar com o sabor amargo de um conquista demasiado fácil.

Publicado
Categorias Análises
Visualizações 6
Ir para a barra de ferramentas