De regresso à “Wasteland”

3924 horas em contagem decrescente foi o suficiente para deixar todos os fãs da série Fallout empolgados. E não seria para menos, pois na quarta-feira passada a contagem chegava ao fim dando lugar ao primeiro trailer de Fallout 4. No entanto, para entender a história da série é preciso voltar a 1988, aquando do lançamento de Wasteland pela Interplay e EA. Um RPG pós-apocaliptico que apesar de uma boa recepção, só voltaria em 1997, onde, devido à impossibilidade na cedência da licença por parte da EA, a Interplay seria forçada a mudar o nome para Fallout. Tal como o seu antecessor espiritual inspirado pela paranóia nuclear dos norte-americanos nos anos 50, Fallout voltaria a mostrar aos jogadores o seu mundo árido em que cidades inteiras seriam destruídas por uma guerra nuclear e onde a sobrevivência da humanidade apenas se deveu à sorte de algumas centenas de pessoas capazes de alcançar abrigo nos refúgios subterrâneos espalhados pelo país. Porém a série mudaria de mãos uma vez mais e em 2008 Fallout 3 dá o seu primeiro passo num mundo tridimensional e aberto, desta vez pela Bethesda, criadores de outro RPG de sucesso The Elder’s Scrolls. Pouco nos revela o trailer de Fallout 4, apenas que se passará em Boston, aparentemente com vários edifícios intactos e o regresso de Dogmeat. Resta-nos esperar pela E3 a 16 de Junho, onde a Bethesda certamente irá revelar mais sobre o jogo.

Autor: Vando Enes
Author Vando Enes
Published
Categories Artigos no METRO
Views 27
Ir para a barra de ferramentas