O regresso de um verdadeiro Rally

Acho que como todos os da minha geração ou da minha idade, todos somos apaixonados por Rally por duas razões. Não, não é ir ver o Rally a Fafe, ou acordar às 5 da manhã para comer pó. Há quem goste disso, eu não sou um deles, mas pelo International Rally Championship no PC e depois o grande Colin McRae. A transição de Colin McRae para o DiRT foi um sucesso, mas com o consequente avanço no tempo e com a versão Showdown, começou a tornar-se mais Arcade, por vezes até baseado em competições de manobras e de stuntman quase, e perdendo a sua vertente mais pura e dura, a de Rally.

Foi assim que me atirei para DiRT Rally, na versão PS4 visto que a versão PC já tinha saído em Early Acess e… Bammmm! o Rally está de volta! Mas se estão contentes e tal, calma porque há prós e contras. E não no sentido do jogo em si, mas de quem o quer jogar. Passo a explicar, a malta mais arcade poderá ter dificuldades de habituação, não é um jogo fácil, nem mesmo com todas as opções de ajuda ligadas o jogo se torna menos complicado à primeira vista. É possível estabelecer, por exemplo, o nível do ABS, controlo de tracção e controle de estabilidade em uma escala que vai de zero a cinco. Mas se optarmos por desligar essas opções o bónus percentual no prémio por corrida é menor. Para não ficarem logo de trombas com o jogo liguem tudo, usem o travão de mão e depois vão tentando gradualmente ir tirando as ajudas senão é a morte do artista.

E quando disse que DiRT Rally voltou a ser um jogo de Rally é fundamentalmente por ter voltado às origens e ter se focado nas corridas de Rally propriamente ditas. O título tem como foco principal o modo carreira, que permite ao jogador ir acumulando créditos para comprar novos carros, melhorar a equipa de engenheiros e participar de competições de categorias superiores. Há um leque bem grande de classes de veículos que vai desde os carros de Rally dos anos de 1960 até os dias atuais, sim tem o clássico Lancia Delta, sim tem o clássico Peugeot 205 Rally, e só por isso já ganhou não acham?! Além das tradicionais corridas de ponta a ponta, há competições de Rallycross, que consistem em circuitos fechados que misturam terra e asfalto, e Hillclimb, que são longos percursos no famoso Pikes Peak americano, em que o jogador pode realizar o mesmo percurso duas vezes para garantir o melhor tempo.

Uma mecânica que está ausente em DiRT Rally é a de recuar no tempo, e eu acho bem, apesar de compreender que pode ajudar em várias situações, posso estar velho ou algo do género, mas eu gosto de um jogo difícil, e na verdade nem sequer faz muito sentido. Esse facto faz com que todo cuidado seja pouco, é verdade, e que se possa perder um campeonato por um erro, mas raios é bem mais alucinante.

https://gaming.youtube.com/watch?v=E0cK2BIYz5c&feature=share

O que me incomodou foi os loadings, grandes, chatos e até mesmo entre corridas de uma mesma competição ou a sua repetição. Quando se está imerso no jogo, o que o jogador mais quer é entrar no próximo percurso e essa demora às vezes quebra um pouco a adrenalina. Em contrapartida, nos intervalos entre algumas etapas, é possível realizar ajustes ou fazer algumas reparações no carro, e tal como na vida real, se tivermos muitas reparações e caso as queiramos fazer todas ou que seja essencial poderemos fazê-la mas vamos ser penalizados no tempo da classificação geral.

No entanto tudo passa quando entramos em pista. O jogo está graficamente impecável, a rodar a 60FPS, a 1080p, muito fluídos, com a poeira, os reflexos, a chuva, a lama, os danos no carro, tudo perfeitinho. Toda a dinâmica de os vidros ficarem com poeira, os pára-brisas a tentar limpar o vidro e a ficar com aquele arrasto, as marcas de sujidade no carro, se fizermos um pião a poeira a levantar e a passar, tudo impecável.

O modo online mais interessante das corridas de Rally é baseado em eventos, que podem ser diários, semanais ou mensais. Completar estes eventos também rende créditos no jogo para comprar novos carros e realizar melhorias. É interessante como DiRT Rally mescla entre estágios online em que todos correm com o mesmo carro, podendo participar até mesmo o jogador ainda não adquiriu aquele veículo, e eventos fechados aos jogadores que possuem veículos de determinadas classes em sua garagem. Quem fizer o melhor tempo na prova ganha, quem fizer o melhor tempo em relação a toda a comunidade ganha mais créditos.

Por um lado, o jogo acerta em cheio na simulação. Por outro, torna DiRT Rally bem menos acessível que seus antecessores. No entanto é inegável a sua beleza e o grau de simulação que permite, agora depende dos jogadores, se são mais arcade ou mais simulador.

Dirt-recomenda

Published
Categories Análises
Views 141
Ir para a barra de ferramentas