PES 2018: Sugestões táticas – Parte 3

Depois de abordarmos as Posições e as Instruções Ofensivas, iremos agora debruçar-nos sobre as Instruções Defensivas.

Se só marcando golos se ganham partidas, para ter sucesso, é mais importante ainda não sofrê-los. Como disse Phil Jackson: “O ataque ganha jogos, mas a defesa ganha campeonatos.”

Mas na arte de bem defender, é necessário ter um plano que esteja sintonizado com a nossa forma de jogar, de modo a conseguirmos responder ao máximo de circunstâncias possíveis.

 

 

Começando pelos Estilos Defensivos, e atendendo que quando o adversário ganha a bola perto da sua baliza está mais preocupado em não perdê-la novamente, recomendo vivamente a Pressão Avançada. Não só porque existe a possibilidade de recuperarmos a posse numa zona perigosa, como nos vai também conceder segundos preciosos para voltarmos a organizar-nos defensivamente. Em alternativa, com Todos à defesa, estamos a oferecer tempo e espaço ao opositor para decidir mais à vontade, o que poderá revelar-se fatal.

Relativamente à Zona de Contenção, ambas são eficazes à sua maneira. Em Toda a largura, sendo mais fácil e segura de aplicar, forçando o adversário a atacar pelas alas. Já no Meio, apesar de ser mais arriscado, é aconselhável para pressões mais altas, uma vez que aumenta as probabilidades de ganharmos a bola no corredor central, e tornando assim a nossa transição ofensiva mais eficaz.

 

 

Na Pressão ofensiva, considero o Conservador a escolha mais acertada, principalmente contra adversários mais fortes, dado que em Agressivo, os espaços entre sectores são enormes e fáceis de explorar. Uma excelente combinação é escolher Conservador + Pressão avançada – uma das parcerias mais poderosas no PES 2018.

A primeira coisa a ponderar quando definimos a Linha Defensiva, é como nos sentimos confortáveis no controlo da profundidade. Isto é, quão bem conseguimos antecipar quando o adversário vai tentar um passe para as costas da nossa defesa. Se forem fortes nesse aspecto, então é preferível a linha estar subida, caso contrário, convém baixá-la.

 

 

Porém, uma Linha Defensiva alta tem duas vantagens: a Pressão Avançada funciona melhor; e ainda aumenta as hipóteses da bola ser ganha mais longe da nossa baliza, reduzindo assim a ameaça.

Por fim, a Densidade. Uma defesa mais junta é mais difícil de bater, mas tem mais dificuldades em contrariar quem joga em largura. No entanto, tendo em conta que 80% dos oponentes online têm uma inclinação mais vertical, obrigando o adversário raras vezes a bascular, o ideal é ter os jogadores próximos uns dos outros, facilitando as coberturas.

Conhecer bem os comportamentos defensivos da configuração que designamos antes do jogo, é meio caminho para conseguirmos controlar as diferentes situações que vamos enfrentando.

Frustrar quem está do outro lado pode, e deve fazer parte da vossa estratégia.

Author Nuno Mendes
Published
Views 421