Developer: Nintendo
Plataforma: Nintendo Switch
Data de Lançamento: 3 de dezembro de 2021

Com a chegada desta época natalícia, as típicas reuniões familiares começam a ser cada vez melhor preparadas, seja com o belo do bacalhau, o peru, e aqueles doces natalícios que nos enchem de água na boca. Quando já temos a barriga tão cheia, que só apetece sentar no sofá e não fazer mais nada, é a parte que as crianças começam a ficar cada vez mais ansiosas pela chegada da meia noite para abrir os presentes.

Muitas vezes é até difícil proporcionar-lhes um divertimento que as faça esquecer por um bocado as prendas, e começa a aparecer a tão famosa pergunta: “Pai já é hora de abrir os presentes?” – esta pergunta que se repetirá por quase todos os minutos até chegarem as tão famosas doze badaladas (sim podia ser o ano novo, mas para as crianças sãs as do natal), e aí tudo fica mais sereno, e começa-se então a abertura dos presentes.

O dilema aqui é exactamente o que fazer durante esse tempo de espera, em que os adultos querem estar na conversa pois já não se veem há bastante tempo, e as crianças só querem que o tempo passe rápido para chegar a meia noite. Diria que este ano o problema está resolvido, e para isso, apenas precisam de ter uma Nintendo Switch, Joy-Cons e o jogo, Big Brain Academy: Brain vs Brain.

A franquia Big Brain Academy é bem conhecida pelos fãs da Nintendo, mas acredito que para muitos jogadores esta seja uma perfeita desconhecida. Para os mais desatentos, estamos a falar de jogos onde o pensamento rápido e correcto é o que interessa, já que os diversos minijogos que fazem parte dos vários jogos, sempre obrigaram os jogadores a trabalharem a sua massa cinzenta. Big Brain Academy: Brain vs Brain não é diferente, e mais uma vez, oferece uma variedade de minijogos divertidos que estão divididos por cinco categorias, sendo elas:

  • Identity: onde o objectivo é identificarmos objectos e animais de diversas maneiras; pode ser ao memorizar objectivos que estão numa lista, seja ir aparecendo a figura de um animal distorcida para adivinharmos qual é, seja a contar o maior número de animais, ou até completar puzzles de figuras. O objectivo é sempre adivinhar a opção correcta no menor número de tempo possível;
  • Memorize: que como o nome indica, irá puxar pela nossa memória, seja a memorizar sequências de números, ou a memorizar cartões como se de um jogo da memória se tratasse; adicionalmente, teremos também de memorizar objectos e números de forma invertida e de nos lembrarmos onde estão pássaros em gaiolas depois de ser alterada a sua posição aleatoriamente.
  • Analyse: aqui é colocado à prova o nosso raciocínio, seja a contar o número de cubos que aparecem a formar uma figura, a perceber qual é o objecto mais pesado num sistema de balanças, criar figuras a partir de uma espécie invertida de tetris, ou até a encontrar a foto de um animal a partir do seu nome;
  • Compute: neste caso, será às pequenas somas que estão em jogo, seja a escolher objectos para fazermos pequenas somas que nos são pedidas, retirar números de uma fila para obter o número pedido a partir das somas destes, brincar com um relógio, andando minutos para a frente e para trás, e até a rebentar balões numerados de forma crescente;
  • Visualize: nesta categoria, a visão e a perspectiva das coisas fazem toda a diferença, desde fazer construções a partir de diversas figuras geométricas, identificar objectos a partir das suas sombras, criar caminhos de ferro para uma locomotiva chegar ao seu destino, e até perceber a perspectiva em que estamos a visualizar um objecto.

Paga-nos o café hoje!

Obviamente que estas categorias não se jogam sozinhas, e é aqui que entra o tipo de jogo que queremos, isto é, se queremos jogar sozinhos, ou em grupo. No caso de jogarmos sozinhos, temos o Practice onde podemos treinar os vários minijogos do jogo, e receber medalhas consoante a nossa performance; depois temos o Ghost Clash, um modo onde podemos derrotar os ghosts de outros jogadores, e onde as nossas performances ficam guardadas, para podermos jogar contra as performances de outros jogadores, assim como eles contra a nossa. Ainda neste modo, podemos jogar contra ghosts dos nossos amigos e até de familiares, e até procurar Ghosts por ID, já que todos os jogadores recebem um ID quando entram neste modo. Temos ainda o modo Test, que nos coloca à prova em todas as categorias do jogo, dando-nos depois uma pontuação referente à soma das nossas pontuações. Existe igualmente outra surpresa no modo solo, mas para isso terão de obter medalhas de ouro em todos os jogos do modo Practice.

Já se quiserem jogar com outros jogadores localmente, terão de ir para a jogabilidade de grupo, e aí podem jogar até 4 jogadores, sendo que vão ter duas opções: a primeira que é a Spin the Wheel, e aqui escolhemos o número de minijogos que queremos fazer, e depois estes vão saindo aleatoriamente conforme os jogos vão saindo na roda. O outro é Choose a Category, e aqui teremos mais uma vez de escolher o número de minijogos que queremos, mas depois permite aos jogadores escolherem categoria e o minijogo que pretendem. Além disso, o jogador que estiver em último lugar, será sempre aquele que escolherá o próximo minijogo a jogar, criando assim uma maneira de todos os jogadores ficarem mais equilibrados na pontuação.

O jogo permite ser jogado a partir dos Joy-Cons do Pro Controller, assim como do Touch Screen da Nintendo Switch, embora neste último caso apenas possa ser jogado até dois jogadores. A sua única falha é a pouca quantidade de minijogos, já que apenas existem 4 em cada uma das categorias.

Devo confessar que Big Brain Academy: Brain vs Brain é bastante engraçado a jogar sozinho, mas é quando juntamos 4 familiares ou amigos que o jogo se torna verdadeiramente divertido, já que começam as picardias entre os jogadores, as risadas das enormes falhas que a pressão do tempo cria nos jogadores, e até aquelas desculpas esfarrapadas que todos inventam, como “o comando não funcionou”, “isto seleccionou-me a opção errada”, ou ainda “o jogo estava errado!”.

É um jogo para toda a família, já que tem diversos níveis de dificuldade – Sprout Class, Beginner Class, Intermediate Class, Advanced Class, Elite Class, Super Elite Class – sendo assim possível envolver os mais pequenos, e dando-lhes a possibilidade de vencer jogos contra os mais velhos.

Diria que Big Brain Academy: Brain vs Brain, juntamente com a franquia Mario Party, é obrigatório de ter em casa, já que permite ter divertidas tardes em grupo, cheias de risadas e divertimento. Por aqui fez um enorme sucesso, certamente que nas vossas casas também fará.