Developer: Outright Games
Plataforma: Nintendo Switch
Data de Lançamento: 06 de Novembro de 2020

Basta falarmos em Patrulha Pata para ganharmos a total atenção das crianças que se encontram à nossa volta, e isso mostra bem o quanto esta série televisiva tem marcado a vida dos mais pequenos. Parecendo que não, a série da Nickelodeon faz sucesso desde desde 2013 e tem vindo a actualizar-se ao longo dos anos, seja com novos personagens, novos cenários e claro, novos cachorrinhos, sem falar dos novos fatos, novos equipamentos e novas habilidades.

Este novo jogo da Patrulha Pata, que chega mais uma vez pela mão da Outright Games, transporta os mais novos para o universo da série televisiva, com a possibilidade de andar em diversos locais da Baía da Aventura, assim como ajudar muitos dos personagens bem conhecidos da serie televisiva.

A história do jogo é bastante simples, tal como é costume em cada episódio da série televisiva, um meteorito caiu na praia da Baía da Aventura, e mais uma vez Ryder e os seus cachorrinhos terão de meter mãos à obra e retirar o meteorito da praia. Acontece que ao chegarem perto do meteorito, este emite uma onda de energia que dá superpoderes a todos os cães, e será a partir daqui e com os novos poderes adquiridos, que a Patrulha Pata terá de ajudar a cidade e os seus habitantes em várias missões.

O jogo está dividido em duas vertentes, a Missão Principal, onde teremos 7 níveis para jogar, e os Extras, onde encontramos os minijogos e os coleccionáveis. A Missão Principal é onde jogamos a história do jogo, ao longo de 7 níveis teremos de jogar com os vários cachorinhos em duplas; temos vários tipos de objectivos em cada uma, como por exemplo ajudar a Presidente Goodway a encontrar a Galinheta, ajudar o Jake que se aleijou, salvar a macaca Mandy, e o ultimo nível será aquele em que teremos de salvar a Baía da Aventura de um Robot gigante.

Quanto aos minijogos, temos vários e onde se destaca o tão famoso Pup Pup Boogie, que deixa as crianças deliciadas. Mas temos mais, como por exemplo encontrar comida para o Sr Porter, limpar a neve da estrada com o carro da Evereste e até saltar à corda. Ao todo são 7 minijogos, onde alguns têm dois a três níveis lá dentro, sendo que estes são bastante mais curtinhos que os níveis da Missão Principal, e continuam a ser muito divertidos para os mais pequenos.

Paga-nos o café hoje!

Quanto aos coleccionáveis, estes estão relacionados com os minijogos e com os níveis da Missão Principal. Na grande maioria deles, existem ossos espalhados pelos níveis que temos de apanhar, assim como os símbolos dos cachorrinhos. São esses ossos que vão desbloquear os três tipos de coleccionáveis, são eles Personagens, Locais e Animais. No caso dos personagens, iremos ter várias imagens onde mostram esses mesmos personagens bem conhecidos da criançada, como todos os cachorrinhos, o Capitão Turbot, o Sr. Porter, o Ryder, entre outros. Já nos Locais iremos encontrar imagens com as zonas mais importantes da Baía da Aventura, e por fim, nos Animais, teremos alguns animais que já entraram em alguns episódios da série animada, tais como as gaivotas, ou a águia, que por vezes importuna a Skye.

O jogo é perfeito para as crianças que estão a iniciar-se no mundo dos vídeojogos, já que a sua jogabilidade é muito simples mesmo; sempre com um tutorial antes de cada nível a explicar tudo o que têm de fazer. Posso dar o exemplo concreto da minha filha de 4 anos, que jogou o jogo todo e percebeu tudo, sem eu ter de lhe explicar fosse o que fosse. E em muito ajuda o jogo estar todo traduzido e dobrado para Português do Brasil, o que facilita a aprendizagem das crianças nos objectivos e nos tutoriais. Os mais pequenos vão ter a possibilidade de andar com os cachorrinhos, correr, saltar, voar, e até usar as habilidades especiais deles. Tudo num espaço alargado para eles sentirem alguma liberdade de movimento.

Existe ainda outra componente importante, a possibilidade de jogar a dois jogadores, tanto a Missão Principal como muitos dos Minijogos permitem ser jogados a dois jogadores, na Missão Principal jogaremos em modo cooperativo, cada jogador com um dos cachorrinhos, e nos Minijogos já será em modo competição para ver quem faz mais pontos.

O único problema do jogo tem a ver com a sua duração, a minha filha em pouco mais de 6 horas completou o jogo na sua totalidade, isto é, finalizou todas todos os níveis da Missão Principal assim como os minijogos. Provavelmente é um problema ao nível dos adultos, mas as crianças com esta idade não se importam de repetir vezes sem conta os diversos níveis dos jogos, o importante é estarem a jogar com as suas personagens favoritas; e para elas, terem a possibilidade de jogar com Chase, Marshall, Rocky, Skye e todos os outros cachorrinhos é já por sim incrível.

A nível gráfico o jogo está muito giro, com cores muito vivas para chamar bem a atenção das crianças. As animações estão bonitas, e sempre que se inicia cada missão vemos aquela animação dos cachorrinhos a descerem a torre e a entrar no seu carro. Já na parte do som, está tudo muito competente, com músicas bem conhecidas das crianças, e sons bastante familiares para quem conhece bem a Patrulha Pata.

Patrulha Pata: Os Cachorrinhos Poderosos Salvam a Baía da Aventura é um jogo muito divertido para os mais pequenos, com uma jogabilidade simples, e que vai deliciar todos aqueles que adoram a série animada da Nickelodeon. É uma daquelas prendas de natal que é um sucesso garantido onde existem crianças mais pequenas.