A organização da maior feira de videojogos internacional E3 anunciou esta quarta-feira o cancelamento da edição deste ano e justificou a decisão com o surto de Covid-19.

Num comunicado, a organização do evento, ESA, refere que “após uma análise cuidada com as nossas empresas que são membros da organização sobre a importância da saúde e segurança de todos na indústria – fãs, empregados, expositores e os nossos parceiros de longa data – tomámos a difícil decisão de cancelar a E3 2020”. Revelou ainda que “acompanhando as crescentes preocupações relativamente ao vírus Covid-19, sentimos que esta é a melhor forma de proceder perante esta situação sem precedentes”.

Em estudo está uma possível experiência online que possa ter um efeito similar ao que acontece na habitual E3. Na edição deste ano previa-se grandes novidades de nova geração de consolas, pelo menos da Xbox Series X, uma vez que a PlayStation não ia estar presente no evento.

O responsável da Xbox, Phil Spencer revelou que a Microsoft vai preparar uma apresentação digital para dar as novidades aos seus fãs, mas não revelou a data. Para já mantém-se de pé a hipótese de ser revelado algo noutras feiras como a Gamescom, na Alemanha e a Tokyo Game Show, no Japão. A E3 junta-se a milhares de eventos cancelados espalhados pelo mundo devido à pandemia Covid-19.

Deixa um comentário