Foi hoje lançado para a Nintendo Switch o mais recente titulo da premiada franquia Monster Hunter, Monster Hunter Rise teve hoje o seu lançamento mundial, e podem ler a nossa análise aqui. A mais recente aventura deste RPG de acção transporta os jogadores para a colorida Kamura Village para se defender contra uma calamidade que se aproxima rapidamente: Rampage. Os caçadores podem enfrentar esses desafios sozinhos ou com até três outros jogadores online, local ou cooperativamente, enquanto aproveitam a versatilidade da Nintendo Switch, que permite caçar a qualquer hora, em qualquer lugar e com qualquer pessoa!

Para derrotar o iminente Rampage, os caçadores de Kamura devem recorrer ao novo companheiro de caça, o Palamute, e da técnica de caça “Wirebug” enquanto se envolvem num combate repleto de acção – característica típica desta série. Os companheiros “Canyne” Palamute juntam-se aos clássicos “Felyne” Palicoes para ajudar os jogadores durante uma caçada. Além de emprestar as suas consideráveis capacidades ofensivas para qualquer luta, o Palamute pode também ser “cavalgado” pelos caçadores para perseguir qualquer monstro em fuga e atravessar os mapas abertos.

Os wirebugs, por outro lado, permitem que os caçadores lutem com agilidade em qualquer direcção durante uma caçada e podem ser combinados com cada um dos 14 tipos de armas para criar Silkbind Attacks” exclusivos. Danificar monstros com esses novos ataques torna-os susceptíveis à nova técnica “Wyvern riding”, que permite aos jogadores assumir temporariamente assumir o controlo de um monstro o que leva a sequências de batalha espectaculares durante uma caçada.

Quando os jogadores não estão a explorar os cinco locais, como as Shrine Ruins, a Flooded Forest ou as Sandy Plains, podem lutar contra hordas de monstros enormes no novo tipo de missão Rampage introduzido em Monster Hunter Rise. Nessas missões, os caçadores devem trabalhar com os cidadãos da Kamura Village para preparar instalações defensivas e proteger as barricadas da Fortaleza contra as hordas de monstros invasores, incluindo quaisquer monstros Apex que possam chegar durante o cerco. Além do novo modo de jogo, Monster Hunter Rise inclui também novas “Switch Skills” para cada arma, conforme os caçadores progridem no jogo. Ao trocar essas novas habilidades pelas Silkbind existentes ou pelos ataques regulares os jogadores podem criar combinações e estratégias que correspondam ao seu estilo de jogo preferido.

Monster Hunter Rise também incluirá novos recursos para melhorar a participação em caçadas com outras pessoas. O nível dinâmico de dificuldade para multijogadores online ajusta-se automaticamente conforme novos jogadores entram e saem de uma missão central. O novo “Hunter Connect” permitirá que os jogadores criem tags com os seus objectivos e estilo de jogo, procurem outros jogadores com as mesmas tags ou convidem amigos para quaisquer tags às quais eles tenham aderido. Ao concluir uma missão no modo para multijogadores online, os jogadores poderão fazer “gosto” aos outros caçadores do seu grupo e aumentar assim a probabilidade de se encontrarem em futuras caçadas.

Tal como acontece nos jogos anteriores da série, Monster Hunter Rise incluirá um apoio pós-lançamento robusto e gratuito. A primeira actualização gratuita do título já foi anunciada para o final de abril e contará com uma série de novos monstros, incluindo o retorno do favorito dos fãs, Chameleos, um Dragão Ancião caprichoso que gosta de causar travessuras antes de desaparecer sem deixar vestígios. O trailer de lançamento também confirmou que Apex Rathalos chegará como parte da primeira actualização. Mais informações sobre esta e outras actualizações serão reveladas nos próximos meses.

Além da Standard Edition (física e digital) de Monster Hunter Rise, uma edição Deluxe digital especial incluirá a Standard Edition do jogo, um voucher DLC digital conteúdo extra com um conjunto de armadura “Kamurai”, gestos exclusivos, itens cosméticos e muito mais.