Quando faltam poucos dias para o clássico, o Futebol Clube do Porto joga a última cartada para o que resta do campeonato. É o tudo-ou-nada dos Dragões; só a vitória interessa e é a derradeira esperança para Sérgio Conceição conseguir fazer tremer um Sporting que parece imparável no primeiro lugar.

Nesse sentido, decidimos replicar no eFootball PES 2021 Season Update, a tática que o treinador portista, provavelmente, usará no próximo sábado. Já o havíamos feito no FIFA 21, e é agora altura de fazer o mesmo no seu principal concorrente.

O modelo de jogo de Sérgio Conceição é sobejamente conhecido em território nacional, não tivesse sido ele a ganhar duas das últimas três Ligas Portuguesas. Um sistema rígido, mas muito pragmático naquilo que pretende: agressividade e olhos na baliza adversária. O Porto tenta ao máximo recuperar a bola em zonas promissoras, para daí tirar partido da desorganização adversária, sendo que uma das suas principais qualidades é saber muito bem em que zonas pressionar.

No eFootball PES 2021 Season Update iremos fazer a representação do técnico do Porto na forma de uma Formação Tática Fluída, ou seja, teremos um sistema em organização ofensiva e outro em organização defensiva. Assim, dentro do Plano de Jogo, na opção Táticas Predefinidas, seleccionar “Sim” em Formação Tática Fluída; depois, para alternar entre Quando tem a bola e Quando não tem a bola, usar o analógico direito.

 

Quando tem a bola:

 

Quando não tem a bola:

Táticas Predefinidas/Instruções Ofensivas:

Estilo de Ataque (Contra-Ataque)

Construção de jogo (Passe Longo)

Área de Ataque (Toda a largura)

Posicionamento (Manter Formação)

Alcance do apoio (6/10)

 

Táticas Predefinidas/Instruções Defensivas:

Estilo de Defesa (Pressão Avançada)

Zona de Contenção (Centro)

Pressão (Agressiva)

Linha Defensiva (5/10)

Densidade (5/10)

 

Táticas Predefinidas/Instruções Avançadas:

Ataque 1 (Esperar Cruzamento)

Ataque 2 (Rotação nas Alas)

Defesa 1 (Linha Defesa Baixa)

Defesa 2 (Ala Defensivo)

Em termos de dinâmicas, especialmente nas laterais, usa muito das sobreposições, mas tem abordagens diferentes conforme os dois corredores. Manafá tem um posicionamento mais profundo comparativamente ao seu companheiro da ala oposta, e tem uma sociedade muito bem trabalhada com Corona, que é quase um terceiro avançado. Otávio, embora ocupe zonas mais interiores, também tem um papel importante do lado esquerdo, nomeadamente no plano defensivo. Sérgio Oliveira é o cérebro que normalmente está no centro de todas as decisões da equipa, com Uribe a ser o seu guarda-costas. Quanto aos avançados, Taremi tem a missão de procurar a profundidade e de funcionar como pivot, ligando o jogo do Porto, enquanto Marega é uma seta constante em direcção à baliza.

É um óptimo sistema para explorar as debilidades defensivas do adversário, e aquele que Sérgio Conceição acredita ser capaz de derrotar os rapazes de Ruben Amorim e dar uma alma nova a este campeonato que caminha a passos largos para o fim.

Vejam o vídeo completo e explicativo:

Outros Sistemas táticos do eFootball PES 2021 Season Update:

O Sporting de Ruben Amorim

O Benfica de Jorge Jesus

O Braga de Carlos Carvalhal